Sintepe exige suspensão das atividades de todos os professores/as, administrativos/as, analistas, contratados/as e terceirizados/as

 

SINTEPE INFORMA

 

 

A CNTE convocou para 18 de março a Greve Geral da Educação. Os atos públicos marcados para este dia foram cancelados. Porém, a greve está mantida em âmbito nacional, inclusive em Pernambuco.

Assim, nesta quarta-feira devemos nos posicionar em defesa do FUNDEB PERMANENTE, do piso Salarial da Educação, da democracia e contra a reforma administrativa do governo federal. Vamos caracterizar esse dia 18 de março como GREVE GERAL DA EDUCAÇÃO e fortalecer a nossa luta nacional coordenada pela CNTE. Desta forma, nesta quarta-feira é também dia de Greve Geral Nacional da Educação.

 

Aqui em Pernambuco, além da Greve Geral, o SINTEPE defende de forma veemente que o distanciamento social, como uma das medidas de combate à proliferação do Coronavírus (Covid-19), seja abrangente no sentido de preservar a integridade de estudantes, professores/as, administrativos, analistas educacionais, equipes gestoras, contratos temporários e terceirizados, nos seguintes locais de trabalho: escolas, Biblioteca Pública Estadual, Conservatório Pernambucano de Música, Gerências Regionais e da Sede da Secretaria.

 

A Diretoria do SINTEPE irá, nesta quarta-feira (18), à Secretaria de Educação cobrar a devida atenção para com os/as estudantes e todos/as trabalhadores/as em educação da Rede Estadual de Ensino, inclusive temporários e terceirizados. Não vamos aceitar tratamento diferenciado para com a nossa categoria.