Proposta indecente

Coluna publicada nos jornais publicada nos dias 31 de maio e 1 de junho

Na segunda reunião de negociação da Campanha Salarial Educacional deste ano, no último dia 26, que contou com as presenças dos Secretários de Administração e de Educação, o Governo nos apresentou uma proposta, no mínimo indecente, que foi, evidentemente,recusada pela Comissão de Negociação do SINTEPE.

 

 

A proposta do Governo agride, mais uma vez, a nossa categoria e de novo, desrespeita o Plano de Cargos e Carreira.

O Governo propôs e não aceitamos reajustar em 11,36%, a partir de dezembro deste ano, com efeitos retroativos a 1o de janeiro do corrente, o valor de vencimento base, apenas, dos Professores com Formação em Magistério. E ainda, colocar na Classe I da Matriz de vencimentos de Especialização, os professores ocupantes da Classe I da Matriz de Licenciatura Plena, mantendo a faixa ocupada na situação anterior, por exemplo, quem está na Classe I/Faixa D, da Matriz de Licenciatura Plena, passa para a Classe I/Faixa D da Matriz de Especialização.

O objetivo do Governo, apresentado na reunião, e que não nos convenceu, é que nenhum professor fique abaixo do valor do Piso (R$ 2.135,64, para 200h/a). Os demais professores, analistas e os funcionários administrativos, pela proposta do Governo, ficam com 0% (zero) de reajuste em 2016.


Após as intervenções dos representantes da Comissão de Negociação, uma nova reunião ficou mar
cada para o dia 2 de junho. Lembramos a todos que no dia 3 de junho, às 9h, no auditório G2 da UNICAP teremos uma importante assembleia, para discutirmos e avaliarmos uma nova proposta do Governo, pois a apresentada inicialmente,indiscutivelmente, não passa de um grande desrespeito aos Trabalhadores em Educação da Rede Estadual de Pernambuco e deve ser ignorada pela categoria.

Todos à Assembleia, vamos fortalecer a nossa luta! O Governo aposta na desmobilização. A luta não é fácil, mas necessária! Sem valorização salarial e profissional não existe educação de qualidade.

Agenda

30/5 - Aula Pública, 8h, em frente às Escolas Luiz Delgado e João Barbalho, na rua do Hospício.

- Debate, 9h, sobre: O Financiamento da Educação Pública: CAQi

(Custo Aluno-Qualidade Inicial), com o Professor da USP, José Marcelino de Rezende, Plenarinho da Câmara Municipal do Recife.

31/05 – Plenária dos Aposentados, às 14h, no SINPRO.

03/06- Assembleia Geral, às 9h,no auditório G2 da UNICAP.