Interior



Será que ainda é possível tapar o sol com peneira?

Será que após o último ato ou golpe, desferido por este ghoverno contra os Trabalhadores em Educação de Pernambuco não ficou claro para a sociedade que a educação está fora das prioridades deste ghoverno, e que o futuro está totalmente comprometido por essas atitudes de mui amigo?

Leia mais...

Eleição para Núcleo Municipal de Amarji será neste sábado

Será realizada neste sábado (24), às 14h, a eleição dos representantes do Sintepe para o Núcleo Municipal em Amaraji, Litoral Sul do Estado. Os interessados em disputar uma das cinco vagas (sendo três para titulares e duas de suplentes) devem comparecer à assembleia que ocorrerá na Escola Dom Luiz de Brito, na Rua 23 de Julho, S/N, em Amaraji.

Aprovação da reformulação do PCC e Estatuto do Magistério

Na última segunda-feira (19/04), foram aprovados por unanimidade, na Câmara Municipal de Primavera, os Projetos de Lei nº(s) 04/10 e 05/10, que reformulam o Plano de Cargos e Carreira (PCC) e o Estatuto do Magistério, tendo como principais pontos: Gestão Democrática, através de eleição direta para os diretores escolares. Além de tratar do gozo da licença-prêmio em duas etapas (03 meses a cada cinco anos), assegurado o transporte dos funcionários, reajuste salarial, onde um(a) professor(a) com Ensino Médio, carga horária de 200 h/a e início de carreira, sai de um vencimento-base  de R$ 475,00 para R$ 1024,00 e um(a) professor(a) com Licenciatura Plena passa de R$ 628,19 para R$ 1178,37 mais gratificação de exercício do magistério de 10% e enquadramento no tempo de serviço de cada servidor(a). Isso depois de inúmeras reuniões com o Executivo Municipal, Vereadores e Servidores da Educação Primaverense.

Já o Pessoal de Apoio Administrativo, tiveram ganhos reais nos seus vencimentos-base, passando a ser o salário mínimo, para o servidor com Ensino Fundamental (4ª série), seguindo a carreira de acordo com o PCC, não sendo necessário uma parcela para completar o salário mínimo, o que prejudicava o valor das demais gratificações.

Drayton Costa – Coordenação Municipal
 

Trabalhadores em educação de Tuparetama fecham acordo com a Prefeitura

Os profissionais da educação de Tuparetama, em assembleia realizada no dia 13 de abril, fechou acordo com a Prefeitura Municipal. Na ocasião, os trabalhadores aceitaram a proposta de implantação do Piso Salarial Profissional Nacional de R$ 1.024,00 para 40 horas semanais para o nível normal médio (Magistério) e uma tabela salarial que não é a defendida pela categoria, mas corrigiu erros históricos. Exemplo disso é uma professora de nível superior, com pós-graduação e com 20 anos de serviço que recebia menos de R$ 700,00, agora, ela irá receber mais de R$ 1.200. É bom lembrar que o Supremo Tribunal Federal (STF) na sua indefinição sobre o PISO, joga contra os educadores, pois a falta de posição definitiva só favorece aos governos municipais.

 

Trabalhadores vão ao interior divulgar a Campanha Salarial 2010

Durante toda a manhã deste sábado, dia 20, os trabalhadores em Educação do Sertão se reuniram na feira da Cohab Massangano num ato em defesa do Piso Salarial. Na ocasião, os participantes realizaram uma panfletagem na feira, conversaram com as pessoas que transitavam no local expondo os pontos da Campanha Salarial 2010. A categoria está em negociação com o Governo do Estado que se recusa a implantar a Lei do Piso Salarial conforme as reivindicações da categoria. Estiveram presentes no ato os diretores do SINTEPE, Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Pernambuco em Recife, Dilson Marques e José Agripino. 

Com informações de Manuella Pereira, de Petrolina.

Mais Artigos...

Página 8 de 9

<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 Próximo > Fim >>